Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Rancho Folclórico e Etnográfico da Vila de Pias Ferreira do Zêzere

Rancho Folclórico e Etnográfico da Vila de Pias Ferreira do Zêzere

Pias

Localização da freguesia de Pias

 

Pias é uma das 9 freguesias do conselho de Ferreira do Zêzere e do distrito de Santarém sendo as restantes: Beco, Areias, Igreja Nova, Ferreira do Zêzere, Dornes, Chãos e Águas Belas, e Paio Mendes.

O concelho de Ferreira do Zêzere encontra-se delimitado a oeste por Ourém, a Este por Vila de Rei a sul por Tomar e a Norte por Cabaços. Tem uma área de 190,4 km² sendo a área de Pias 9,9 km² de Território.

Podemos afirmar que o concelho de Ferreira do Zêzere é um dos concelhos mais bonitos da região.

Este concelho é limitado a nascente por um importante curso de água – o rio Zêzere que nasce a 1900m de altitude na Serra da Estrela, e que se funde com o Tejoem Constância. Foio rio que deu o nome a Ferreira do Zêzere e é neste que se situa uma importante obra de Hidráulica – albufeira do Castelo de Bode (barragem situada no concelho de Tomar). O Rio é também a principal atracção turística da zona, permitindo aos seus visitantes deslumbrarem-se perante as fantásticas paisagens que são oferecidas.

Toda a região é muito acidentada e com estrutura geológica variada mas, não existem afloramento rochosos significativos e o subsolo é pobre, facto que influência a natureza do manto agrícola e florestal. A freguesia de Pias é limitada por várias serras, uma dela a serra de Santa Catarina.

As freguesias deste concelho são essencialmente rurais, mas bastantes diferentes entre si, pois se fizermos uma comparação entre as freguesias, encontraremos poucos pontos em comum, apenas da hospitalidade das nossas gentes.

 

 Historia da Freguesia

        

É uma freguesia muito cheia de tradições e belezas naturais, pobre e humilde como qualquer aldeia do interior no século XVI, mas pelas suas gentes serem tão hospitaleiras o rei Direito João III, que tinha passado pelas Pias, no dia 25 de Fevereiro de 1534 ergue – a Vila, sendo seu Capitão-mor João Gomes.

O seu concelho agrupava também as freguesias de Areias, Chãos, Igreja Nova e Alviobeira (que hoje pertence ao concelho de Tomar). Era muito rica em vinhas pertencentes a ordem de Cristo.

A nível arquitectónico, destaca-se o ilustre pelourinho, a igreja da Freguesia do séc. XVI e vários túmulos de Pedra “espalhados” pelas serras da Freguesia (ano desconhecido), a câmara nos paços do concelho (hoje encontram-se em ruínas) e o Hospital que se encontrava na freguesia da Areias.

Em Novembro de 1836 Pias deixa de ser uma colectividade independente, sob o ponto de vista administrativo, pois estava incluído nos 465 concelho que foram eliminados por serem pequenos, passando a fazer parte do actual concelho de Ferreira do Zêzere.

 

AS Pias

A origem deste nome está relacionada com duas Pias (Ilustração 3), onde os animais bebiam água e a população lavava a roupa. Diz o povo que estas Pias deram o nome à antiga Vila de Pias. Tem uma data de construção difícil de decifrar.

 

 

 Cruz das Almas

Conta-se que há muito tempo morreram duas mulheres abraçadas uma á outra. Puseram uma cruz de madeira para marcar esse lugar.

         Em1973 acruz de madeira foi substituída por uma de ferro, que foi colocada junto do cruzamento.

Quando passava um funeral junto á cruz as pessoas paravam para rezar.

 

Pelourinho

 Há muitos anos as pessoas eram julgadas pelo juiz que dava a sentença. Umas eram presas, ou enforcadas no pelourinho. Quando as pessoas eram enforcadas a população ia assistir para verem o que acontecia e para não voltarem a fazer a mesma coisa.

         O pelourinho fica situado num lugar ao pé da Igreja.

 

Solar

            O Solar é uma casa muito antiga. Dantes os reis ás vezes vinham lá passar férias e fazer as caçadas. A casa está dividida em duas partes.

         As pessoas dizem que uma parte era a casa do carcereiro e por baixo era a prisão. A outra parte era a Câmara e onde se faziam as audiências. Por baixo era uma loja onde se arrecadavam os penhores e mercadorias que vinham de fora.

 

 

Igreja

A Igreja foi construída em 1588. Os habitantes de Pias tinham que ir á Igreja de Areias. Como lhes ficava muito longe a população resolveu construir uma Igreja na sua localidade.

         A imagem de São Luís que estava numa capela antiga em ruínas, foi mudada para a Igreja. No segundo Domingo de Agosto Realiza-se em honra deste Santo, que é seu padroeiro, uma festa anual.

         Antigamente enterravam-se as pessoas importantes na Igreja. No chão ainda se podem ver os túmulos com as datas e os nomes das pessoas que lá foram enterradas.

Pego

Podemos dizer que este lugar é um dos mais calmos da freguesia, fica situado a ocidente da freguesia de Pias, junto de uma Ribeira.

         Este lugar nem aos antigos passou despercebido, pois, encontra-se cravado numa rocha a cruz da ordem de Cristo, um símbolo com muitos séculos.

 

Túmulos

Espalhados em vários lugares, muitos deles dentro de mato, encontramos túmulos.

         Os túmulos são pedras cravadas no chão, com o formato do corpo humano, já com muitos séculos de existência.

 

 

 

Ordenação Heráldica

O brasão desta organização ainda não esta finalizado, apenas falta a parte burocrática. Mas como irá ser ainda está nos segredos dos deuses, apenas posso dizer que terá as cores das freguesias da Areias e Chão, símbolo do grande concelho que foi. Aproximadamente daqui a 2 anos terá finalizado.

 

 Alguns dados actuais da freguesia de Pias

População: aproximadamente 650 habitantes;

 

 

Orago: S. Luís;

 

Festas e Romarias: todos os anos em Agosto realiza-se a festa em honra se S. Luís entre outras;

 

Património Cultural: o património cultural é composto por pelourinho, a igreja matriz, “os tanques” que deram o nome a freguesia e as várias capelas que se encontram por toda a freguesia

 

População: 

 

População residente

Nº eleitores

Homens

Mulheres

513

299

323

 

 

 

 

 

Estrutura territorial (em 2000):

Densidade populacional (hab/km²): 62,9

Área (km²): 9,9

Nº de lugares: 10

Nº de eleitores: 513

 

Estrutura demográfica:

 

0-14: 138 (22.2%)

15-64: 362(58.2%)

65 e mais : 122 (19.6%)

 

                                             

Indicadores de qualidade

 

Redes de Transportes:

Redes de transportes públicos – Sim

Praça de Táxis – Sim

Estação de CP – Não

Estação de Correios – Não

  

Colectividades 

Esta freguesia sendo uma das mais pequenas do nosso conselho tem actualmente:

    Grupo Desportivo, Cultural e Recreativo de Pias; 

Esta associação foi criada em 24 de Abril de 1978. A população desta freguesia sentiu a necessidade de criar uma colectividade de todos, um lugar onde poderiam reunir-se, jogar as cartar, dançar, ou seja, era o ponto de encontro da população. 

 

    Rancho Folclórico e Etnográfico da Vila de Pias; 

O Rancho Folclórico e Etnográfico da vila de Pias foi fundado a 19 de Abril de 1998, com o objectivo de unir os jovens e preservar os uses e costumes dos nossos antepassados.

         As suas danças têm várias influências beirãs, Alto e Baixo Ribatejo e são compostas por viras, fados, fandango e danças de roda.

         Os seus trajes reportam ao fim do século XIX, princípios do Século XX, foram reproduzidos através de pesquisas efectuadas as pessoas de mais idade da nossa freguesia e em dados que se encontram nas quintas da nossa freguesia. São compostos por traje de Noivos, trajes de Domingueiro, trajes de Trabalho, criada, entre outros.

         O Rancho Folclórico e Etnográfico da vila de Pias têm participado em várias actuações por todo o país. No estrangeiro já actuou na Suiça em 2001, e em New Jersez (Estado Unidos da América) em 2005 e já participou em programas televisivos da RTP 1.

         É sócio efectivo da Federação do Folclore Português desde 2002, Filiado no INATEL desde 1998 e é sócio da Associação de Defesa de Folclore da Região de Turismo das Templários.

 

    Associação de Melhoramento e Bem – estar de Pias. 

Esta associação tem sede nesta freguesia mas, todos o seu trabalho é realizado na Frazoeira, em que possui um centro de dia e um lar de crianças desfavorecidas e com problemas.

Todos dos meses realizada um encontro de idosos em cada freguesia do concelho. Criou recentemente uma casa (antiga Casa do Povo) para albergar, em caso de necessidade, alguma família que necessite.

 

 

 

 

 

 

 

 

    Posto de Saúde

Foi criado para auxiliar a freguesia no que respeita a saúde, recentemente foi mudado para o antigo jardim-de-infância, pois o local onde se encontrava precisava de urgentemente de obras.

Antigamente o nome era “Casa do povo” mas, com as reestruturações que o Governo implanta, o seu nome é Posto de Saúde.

 

     Escolas da Freguesia

Esta freguesia possui 2 escolas primárias, sendo que uma possui o 1º e 2º ano e a outra possui o 3º e o 4º ano (Ilustração 13).Antigamente, como existia a divisão dos sexos, uma era para as raparigas e a outra para os rapazes. Em conjunto existem cerca de 30 crianças a estudar.

Junto a estas escolas primárias, existe o jardim-de-infância é pois uma maneira de desde de pequenos possam conviver e aprender com aqueles que já tem idade para ir a escola.

Adjacente a este jardim de escola existe o ATL para que depois da escola, as crianças que queriam podem passar a tarde. E também o refeitório onde as crianças almoçam todas reunidas com as professoras.

 

    Museu do Rancho Folclórico e Etnográfico de Pias

A ideia de um museu etnográfico nas PIAS, surgiu em Janeiro de 2002, entre os elementos do Rancho Folclórico e Etnográfico da Vila de Pias, como um projecto de dinamização da freguesia e de recuperação das mesmas tradições da mesma.

Contudo, apenas em Abril do mesmo ano, à data do aniversário do Rancho (Dia 19), foi aberto ao público um espaço albergando algum espólio, entretanto recolhido.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.